em 

TODO O SITE  

Ter direito é um dever

01.08.17

 #direitos humanos #onu



Vivemos tempos em que sentimos medo dos rumos que o mundo está seguindo. Violência, conflitos, privações, preconceito, mudanças climáticas. Seguimos inseguros sobre o que fazer ou para onde ir. Há um outro jeito. E começa com cada um de nós tomando atitudes práticas para reafirmar nossa humanidade em comum.

No dia 10 de dezembro de 1948, a Organização das Nações Unidas (ONU) instituiu a Declaração Universal dos Direitos Humanos. O documento que define os direitos básicos do ser humano tem listado em seus trinta artigos, os direitos básicos para a promoção de uma vida digna para todos os habitantes do mundo independentemente de nacionalidade, cor, sexo, orientação sexual, política e religiosa.



Em 2018, esse marco global completa 70 anos e para espalhar ainda mais a sua mensagem, a ONU lançou uma campanha de vídeo multilíngue para conscientizar as pessoas sobre a sua super importância. O convite convoca cidadãos desse mundão a gravar um vídeo lendo um dos artigos do documento em sua língua materna. Cada participante terá seu registro publicado numa página especial das Nações Unidas. 

Para participar é muito fácil! O usuário precisa somente ter acesso a um navegador Google Chrome e uma webcam ou um aparelho celular com câmera. Após o envio do vídeo, ele será revisado e o usuário receberá um link para compartilhar nas suas próprias redes pessoais. Cada vídeo também será publicado na página da iniciativa e em seu canal oficial do YouTube. As instruções completas estão aqui.  Essas são algumas das últimas gravações feitas ao redor do mundo:
 


Os vídeos farão parte da uma plataforma educacional que visa sensibilizar o público sobre os direitos humanos em todos os cantos do planeta. É preciso acreditar que a educação sobre direitos humanos já é um direito humano em si.



A campanha é promovida pelo Departamento de Informação Pública da ONU, em colaboração com o ACNUDH, a Showbox e a Universal Human Rights Initiative. O projeto faz parte da iniciativa mais ampla “Manifeste-se pelos direitos de alguém hoje”, coordenada pelo Escritório de Direitos Humanos. O objetivo é encorajar indivíduos, governos, sociedade civil e setor privado a assumir um papel ativo na defesa dos direitos humanos para todos.

Todos! 
TOPO